quinta-feira, 17 de novembro de 2016

A HISTORIA DE “RAÉ O COMENTÁRISTA QUE NÃO ESCONDE O JOGO

 Raé e seu filho Tico
 Raé  e Motta nos 100 anos do Vitória

Israelito Alves Barreiros (Raé)
Nasceu em 17 de março de 1948
Faleceu em 13 de janeiro de 2010


Kleber e Raé
Sua vida começou desde a gestão de sua mãe no ano de 1947, onde só pode ver o mundo em que viveu no dia 17/03/1948. Filho da lavradora, Arlinda Augusta Barreiros e do marceneiro Israel Alves Barreiros, foi criado com uma boa educação, respeitando e aprendendo a respeitar os outros. Entrou na escola com seis anos de idade, onde esteve a honra de descobrir um dos seus grandes talentos que foi (a pintura), com ela pode expressar todos os seus sentimentos e desejo, conseguiu ir mais longe e aos poucos foi ficando famoso por ter tocado no “TRIO TAPAJÓS” como percursionista, e ficou conhecido por apelido de “HIPPE” tocou com o grande músico LUIZ CALDAS, OS COBRAS da cidade de Mairi, OS ENGENIOS, BANDA EXTRA e outras bandas, e assim foi levando a vida.Tinha tantas alegrias, era uma pessoa que gostava de brincar com todos, tinha paixão por futebol, torcedor do FLUMINENSE,VITÓRIA e SANTOS, depois foi morar na cidade de São José do Jacuipe, onde formou um time por nome Olaria. Ao retornar para Mairi, pode fazer parte de um dos grandes times da cidade que é o Mairi Junior’s,  onde esteve a sabedoria e a criatividade de fazer o Hino do time com uma letra belíssima:

  O Mairi Júnior
Nasceu em Fevereiro
Para jogar no mundo inteiro ( BIS)
O time amarelo e azul
Joga pra chuchu

Furacão jovem tem o seu valor
E a torcida grita com amor
Junior mais um
Junior mais um gol       ( BIS )
    Mais um gol
    Mais um gol
Para alegrar o torcedor
   Mais um gol
    Mais um gol
Time de raça e lutador

AUTOR: Israelito Alves Barreiros

E assim foi crescendo com a sua inteligência e sabedoria, era um homem digno, cheio de alegria em todo lugar que chegava. Participou de vários cursos de árbitro, sempre esteve apoiando o esporte de nossa cidade com muita garra determinação e força de vontade. Sem contar com participações nas rádios como comentarista de esporte que ficou conhecido por “RAÉ O COMENTÁRISTA QUE NÃO ESCONDE O JOGO”, essa era a sua marca nas rádios de nossa cidade com amizades e brincadeiras que só faziam alegrar as pessoas. Foi um dos fundadores do grupo 25 de Dezembro de AA em Mairi que graças a essa irmandade conseguiu dar a vida a muitas pessoas que estava no mundo do alcoolismo.
Obrigado Raé por ser essa pessoa maravilhosa que você sempre foi. Fica a nossa saudade para você.         
RAÉ SEMPRE RAÉ
Raé
Os Cobras; Raé na bateria, Safiro no baixo e Fabricio guitarra
                           Gera, Zequinha e Raé
Raé e o trio Tapajós com Orlando, Jorge,Vavá, Raimundo e Fernando
                       Mairi Júnior Campeão  1983

                          
                                        Souza e Raé 
    Raé mostrando o seu amor pelo Mairi Júnior
Quando Raé foi treinador do time Olária na cidade de São josé do Jacuipe
Olária na cidade de São josé do Jacuipe
Raé, Weslei, Kleber, Baiano e Gerval 
no Estádio Deraldão jogo Vitória x Mairi junior 
Raé e Paulo Carneiro nos 
100 anos do Vitória
Raé tocando bateria em homenagem 
a Banda Extra na AABB de Mairi
Recuperado do alcoolismo
Fazendo pinturas
Raé e sua filha Israela Barreiros


Nenhum comentário:

Postar um comentário